Agora é 2012

Minha série ‘Década de Natais’ terminou… Este ano estou morando mais próximo a família do que jamais morei. Quer dizer, minha família continua espalhada pelo mundo enteiro, mas um pouco menos do que antes. Espero que este ano marque o começo de algo um pouco menos exótico e algo mais emocionalmente saudável. Mesmo assim, admito certo receio, só um pouquinho, que nunca cheguei a passar Natal com as freiras nas montanhas do Timor, ou que nāo estarei esquiando nas montanhas do Líbano na semana que vem. Sinto falta dos Natais na praia comendo comidas de verāo e espero que haja mais um Natal mochileira-em-Damasco no meu futuro. Mas nāo posso ter tudo e todas essas lindas experiências vieram com um preço bastante alto, uma coisa que aprendi em 2003. Continuo pagando esse preço, há anos, mas talvez agora seja hora de parar.

Escrevi este post em 2011… agora que estamos do outro lado dos feriados… como será que vai ser esse novo lado?

Um brinde (de chá, à beira do Nilo, no meio do nada de Egito) a um ano de Esperança
Esta entrada foi publicada em Uncategorized e marcada com a tag . Adicione o link permanente aos seus favoritos.